segunda-feira, 12 de abril de 2010

@minhasparanoias



video
Oi! Será que vc está mesmo me seguindo aqui neste blog do meu amigo Well? Aliás ele é meu único amigo. Isso acontece porque eu sou bem tímido, não sou como essas pessoas que aparecem no Youtube com toda sua desenvoltura. Falando nisso, apesar de ter vergonha alheia, eu separei alguns vídeos de pessoas que se arriscam a sua dignidade para produzir vídeos super acessados, alguns até mesmo por acidente. Por isso, eu o garoto @minhasparanoias apresenta para você os 5 vídeos mais vexaminosos da internet. Isso na minha humilde opinião, vai mostrar para vocês que o sucesso tem o seu preço.

5- A gargalhada
Esse menininho tem uma risadinha! Se bem que eu ainda estou na dúvida... vai ver ele est'agonizando e ninguém percebeu a diferença!


4- O Caetano desabou
Eu simplesmente acho fantástico o fato dele parecer sumir do palco como num passe de mágica. O palco acabou e o Caetano sumiu! Coitado dele...


3- A fã e o vídeo de Crepúsculo
Acho até irônico que este mico se passe enquanto essa garota assiste um vídeo da internet. Eu não queria estar no mesmo cinema quando o filme estreiar. Robert Pattinson tem razão em não gostar do assédio das fãs, elas estam um pouco insanas.


2- Joe Lady
Gravar um vídeo parodiando o clipe de Single Ladies pode até ter virado moda, mas para mim lidera o ranking de humilhações possíveis para se lançar na internet. Joe Jonas que já é famoso experimentou esse negócio e eu não sei o que é pior: ver ele dançando ou a magreza dele nessa roupa colada.


1- Vida de Single Lady!
Este com certeza é o vídeo que eu considero a maior pagação de mico! Só tem uma coisa pior do que você gravar um vídeo fantasiado de Beyoncé dançndo Single Ladies, é você (menino) ir fantasiado de você mesmo e com um sapato de salto alto fazer um vídeo dessa música junto com seus amigos sem ao menos saber como é a coreografia! Vida de Garoto parece até ironia. Sem ofensas, eu gosto deles!


Até a próxima pessoal, espero que com menos micos! Que vergonha!

Nenhum comentário:

Postar um comentário